Pastor foi preso após tentar evangelizar e convencer mulheres a não abortarem

Como pastor ordenado, após o nascimento de seu filho pré-maturo, Walter Hoye sentiu-se tocado a ministrar a mulheres que pensavam em abortar.
“Ele tinha cerca de um quilo e eu estava literalmente segurando-o, eu podia literalmente ouvir Deus falar comigo”, disse Hoye em entrevista à CBN News. “E isso me motivou a ir mais fundo e mais e mais adiante no movimento pró-vida”.
Hoye decidiu se tornar um conselheiro nas calçadas próximas de clínicas de aborto, em Oakland, Califórnia, para conversar com as mulheres sobre suas decisões de interromper as gestações.
Muitas vezes ele segurava uma placa que dizia: “Deus ama você e Leia tudo…

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!