Médico é dispensado por acreditar que bebês nascem com sexo definido

Um médico foi impedido de assumir um cargo no sistema público de saúde do Reino Unido por acreditar que o sexo é determinado no nascimento. As informações são do jornal britânico Sunday Telegraph.
O Dr. David Mackereth trabalhou por 26 anos como médico do Serviço Nacional de Saúde, mas foi impedido se tornar assessor do Departamento de Trabalho e Pensões por se recusar a identificar pacientes que se definiam por um sexo diferente.
Mackereth, de 55 anos, acredita que o sexo é genético e biológico, de acordo com o nascimento. Por causa de suas convicções religiosas, ele foi classificado como “inapto” para Leia tudo…

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!