Homem que esfaqueou Bolsonaro, foi evangelista até se tornar pastor ungido

Adélio Bispo de Oliveira, homem esfaqueou Jair Bolsonaro (PSL) na última quinta-feira (6). Ele tornou-se membro e praticante da fé evangélica no fim dos anos 1990, quando acabará de se mudar para Uberaba.
Na época o homem tinha em média 20 anos e sobrevivia vendendo livros. Com a pouca rentabilidade com as vendas, foi se socorrer na Igreja da Fé. O então líder da instituição, o pastor Romildo Cândido o recebeu de braços abertos. Com Romildo começou a vida religiosa.
Em entrevista ao UOL, Romildo revelou que Adélio já demonstrava uma obsessão pela política e que aparentava Leia tudo…

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!