“Eu deveria ter nascido morta”, diz mulher que sobreviveu a tentativa de aborto

O aborto é um dos traumas mais profundos que uma mulher pode atravessar, física, espiritual e psicologicamente. Para a criança que sofre a tentativa de aborto, então, às consequências emocionais podem ser irreparáveis. Este é o caso de Melissa Ohden, atualmente com 41 anos. Ela contou o seu testemunho para a rede BBC e como lida com isso até hoje. “Eu deveria ter nascido morta. Em vez disso, eu nasci viva”, disse ela, lembrando do método que a sua mãe, na época com apenas 19 anos, utilizou para tentar lhe matar: “Era estudante universitária”, disse ela sobre a mãe. “ Leia tudo…

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!